Tombamento do prédio do Belas Artes será discutido na próxima terça

O processo de tombamento do edifício onde funcionava o Cine Belas Artes, tradicional cinema de São Paulo, na esquina da Avenida Paulista com a Rua Consolação, começará a ser discutido na próxima reunião do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp), que acontece na terça-feira (10).

A informação é da assessoria de imprensa da Secretaria Municipal da Cultura de São Paulo, que diz que o tombamento, no entanto, refere-se apenas à estrutura física do edifício. O uso do imóvel fica a critério do proprietário.

O cinema encerrou suas atividades no último dia 17 de março depois de uma longa negociação entre o dono do imóvel e sócio-proprietário do Cine Belas Artes. Em meados de fevereiro, o sócio-proprietário do Cine Belas Artes André Sturm chegou a apresentar mais uma contraproposta para o valor pago como aluguel, mas o dono do imóvel não aceitou.

Pouco antes do fechamento do Belas Artes, o advogado do proprietário do imóvel, Fábio Luchesi Filho, afirmou que seu cliente só fará alguma deliberação a respeito do prédio após a decisão do Conpresp. O advogado, no entanto, disse não acreditar que o imóvel será tombado.

Portal Araraquara Hoje

Criado com a intenção de unificar as notícias mais importantes de Araraquara, região, Brasil e mundo.Créditos da imagem: Núcleo de Artes Visuais de Araraquara